A realidade concisamente…

Acerca dos acontecimentos que envolvem a Ucrânia!

Atualização importante!

Após postar o vídeo, fui pesquisar sobre a comunidade católica em sua própria página da Internet, e constatei que estes configuram uma ruptura dos greco-católicos ucranianos. São 4 bispos (eparcas), que diante da manifesta apostasia do clero atual, romperam com o patriarcado greco-católico.

Os greco-católicos são ucranianos de liturgia oriental e doutrina católica. Ao menos costumavam ser assim, se considerarmos as acusações destes 4 bispos. Segundo os mesmos, a gota d’água para que criassem a Igreja Ortodoxa Greco-Católica Ucraniana foi a conclamação de Bento XVI acerca da criação de uma nova ordem política e econômica mundial.

Em suas próprias palavras: “Nossa Igreja se baseia na Tradição Apostólica, sobre os imutáveis fundamentos da fé cristã, que se encontram na Revelação Divina, nos ensinamentos dos Santos Padres dos Concílios e na Tradição da Igreja; em geral isto se chama “depositum fidei”. A IGCOU (Igreja Greco-Católica Ortodoxa Ucraniana) reconhece a primazia do Romano Pontífice mas não adere ao papa que proclama heresias, porque segundo a Bula de Paulo IV, este deixa de ser papa, embora continue como titular da Sé Apostólica. Desta forma a IGCOU reconhece que um papa ortodoxo (que não tenha caído em heresia) é infalível em questões de fé e de moral, quando se pronuncia “ex cátedra”. De acordo com a Tradição Oriental, a IGCOU defende nossa autonomia canônica, como tiveram os patriarcados no primeiro milênio. O elemento principal de nossa união com o Papa é a pureza da fé. O cargo do papa foi estabelecido por Jesus Cristo para que protegesse a pureza da fé e o rebanho de Deus contra os lobos – heréticos.

Em relação à administração de nossa Igreja, em nenhum caso não poderemos nos submeter aos dicastérios do Vaticano, que hoje em dia por suas atividades negam a essência do papado, pregando ou defendendo as heresias. Nosso passo de separação dos hereges e das heresias não pode se chamar cisma; ao contrário – é mais uma operação espiritual para a salvação dos fiéis da Igreja Greco-Católica Ucraniana.

A razão deste passo, todos os fiéis da IGCU, os sacerdotes, os monges e as monjas agora têm a oportunidade de sair de um meio da estrutura herética e entrar na estrutura ortodoxa“.

Ao que parece, são sedevacantistas. Eu penso que seria mais sensato se fizessem uma espécie de Fraternidade São Pio X entre os ucranianos, mas…

Link deles aqui

Sobre Bruno Luís Santana

Ego Catolicus Romanus sum.
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , . Guardar link permanente.

4 respostas para A realidade concisamente…

  1. Christiano disse:

    Como seria bom se voce tivesse uma página no facebook Bruno LUiz Santana.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s