Algumas práticas piedosas

Ao toque das Ave-Marias, (de manhã ao meio dia e ao escurecer) reza-se o Angelus ou o Regina Coeli.

Estando fora da igreja, ouvindo o sinal da elevação da Hóstia e do Cálix, ou da bênção com o Santíssimo Sacramento, dir-se-á: Bemdito e louvado seja a todo o momento o Santíssimo e Diviníssimo Sacramento.

Quando o relógio der as horas, pode-se rezar uma Ave Maria com alguma jaculatória.

Quando se leva solenemente o Santíssimo a um doente, procure-se, si for possível, acompanhá-lo com modéstia e recolhimento; e não sendo possível, faça-se um ato de adoração no lugar em que nos achamos dizendo: “Consolai, Senhor, a esse pobre doente e dai-lhe a graça de se conformar com a vossa santíssima vontade e de conseguir a salvação“.

Ao ouvir o toque da agonia – (nas paróquias, onde há o costume de dar o sinal no sino, quando alguém está prestes a morrer) irei à igreja, podendo, rezar pelo moribundo; se não me for possível ir à igreja, encomendarei sua alma ao Senhor, pensando que talvez dentre em breve, eu mesmo posso achar-me neste gravíssimo estado.

Ao ouvir o dobre dos sinos, rezarei o De profundis, ou o Requiem aeternam pela alma do defunto e renovarei o pensamento da morte.

Nas Sextas-Feiras, às três horas da tarde, ou ao ouvir o sino da igreja, rezam-se 5 Padre Nossos e Ave Marias em memória da Paixão e Morte de N. S. Jesus Cristo.

 

 

 

 

Salmo CXXX (130): De Profundis

De profundis clamavi ad te, Domine;
Domine, exaudi vocem meam. Fiant aures tuæ intendentes
in vocem deprecationis meæ.
Si iniquitates observaveris, Domine, Domine, quis sustinebit?
Quia apud te propitiatio est; et propter legem tuam sustinui te, Domine.
Sustinuit anima mea in verbo ejus:
Speravit anima mea in Domino.
A custodia matutina usque ad noctem, speret Israël in Domino.
Quia apud Dominum misericordia, et copiosa apud eum redemptio.
Et ipse redimet Israël ex omnibus iniquitatibus ejus.

Das profundezas eu clamo a vós, Senhor,
escutai a minha voz!
Vossos ouvidos estejam bem atentos
ao clamor da minha prece!

Se levardes em conta nossas faltas,
quem haverá de subsistir?
Mas em vós se encontra o perdão,
eu vos temo e em vós espero.

No Senhor ponho a minha esperança,
espero em sua palavra.
A minh’alma espera no Senhor
mais que o vigia pela aurora.

Espere Israel pelo Senhor,
pois no Senhor se encontra toda graça e copiosa redenção.

Ele vem libertar a Israel
de toda a sua culpa.

Requiem æternam dona eis, Domine,
et lux perpetua luceat eis.
Requiescant in Pace
Amen.

Dai-lhes, Senhor, o descanso eterno
E a luz perpétua os ilumine
Descansem em paz.
Amém.

Sobre Bruno Luís Santana

Ego Catolicus Romanus sum.
Esse post foi publicado em Sem categoria e marcado . Guardar link permanente.

Uma resposta para Algumas práticas piedosas

  1. Lucio Paulo disse:

    belíssimo e utilíssimo blog!
    Parabéns pela iniciativa…vivemos tempos em que estas coisas estão sendo esquecidas!
    http://www.virgemdeguadalupe.blogspot.com

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s