Quando e com que disposições deve-se receber este Sacramento

Para receber a Extrema-Unção, não se deve esperar que o enfermo tenha perdido o uso da razão; porque, recebendo o doente a Extrema-Unção com conhecimento, poderá dispor-se melhor para auferir dele maior fruto; e ainda porque, sendo este Sacramento útil para a saúde do corpo, não se deve diferir até que o enfermo fique sem esperanças de restabelecimento.

As principais disposições para bem receber a Extrema-Unção, são:

Estar em graça de Deus; confiar na virtude deste Sacramento e na divina misericórdia; e resignar-se completamente à vontade de Deus.

Sobre Bruno Luís Santana

Ego Catolicus Romanus sum.
Esse post foi publicado em Sem categoria e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s