Efeitos da Extrema-Unção

O enfermo que se acha em perigo de morte, necessita:

1º Estar com a alma limpa; pronto a comparecer perante Deus, caso o chame para a eternidade.

2º muita paciência para sofrer resignadamente os incômodos da doença.

3º Graça especial para resistir ao demônio que, apercebendo o pouco tempo que tem, redobra seus esforços para poder perdê-lo.

4º Saúde do corpo, dado que seja para bem de sua alma.

A Extrema Unção remedia a todas estas necessidades, produzindo os efeitos seguintes:

1º Purifica a alma.

Apaga os pecados veniais e também os mortais, quando o enfermo, contrito, não for mais capaz de confessá-los.

Destrói todas as relíquias do pecado.

Relíquias do pecado

As relíquias do pecado são uma certa inclinação para o mal, uma espécie de frieza para praticar o bem, a dificuldade de recorrer a Deus, a turbação da consciência, e todos os defeitos, todas as imperfeições, todas as misérias que restam na alma, depois de purificada pelo pecado.

Pelas relíquias do pecado entendemos também a pena temporal, que lhe é devida, e que a Extrema-Unção remite, não diretamente e por si, mas em razão das disposições mais ou menos perfeitas daquele que a recebe.

2º Dá conforto e paciência ao enfermo para suportar os incômodos e trabalhos da doença.

3º Dá força e graça para vencer as tentações do demônio e morrer santamente.

4º Restitue ao enfermo a saúde do corpo, si assim, convier à salvação da alma, ou à glória de Deus.

Sobre Bruno Luís Santana

Ego Catolicus Romanus sum.
Esse post foi publicado em Sem categoria e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s