Causas da luxúria

A ociosidade, que, segundo diz o Espírito Santo, ensinou muita malícia.

As más companhias; diz-me com quem andas e dir-te-ei quem és, reza o provérbio.

As más leituras e as más conversas pervertem a inteligência e corrompem o coração.

Convém muito abster-se da leitura de romances, mesmo dos que são bons, pois, quem começa a ler romances não encontra depois gosto em outro gênero de leitura.

O menor mal, que causa a leitura de romances, é fazer perder tempo.

Os bailes são geralmente nocivos à santa pureza; o demônio costuma presidí-los.

Ir aos bailes será ou não será pecado, conforme a espécie de bailes e os perigos para quem vai assistir a eles.

Cinemas e teatros – É necessário indagar o que vai ser representado, e não se deve ir, quando houvesse algum perigo para a moralidade. A menor frequência de bailes, cinemas e teatros, corresponderá menor número de remorsos na hora da morte.

A intemperança no comer e especialmente no beber.

Exceder-se nas bebidas alcóolicas e ter castidade é cousa impossivel.

A ocasião próxima voluntária, porque, “quem ama o perigo, perecerá nele“, diz o Senhor.

*nos nossos dias, vale a pena mencionar também a TV, a Internet sem bloqueio de sites, os programas de radio, etc, etc, etc…

Sobre Bruno Luís Santana

Ego Catolicus Romanus sum.
Esse post foi publicado em Sem categoria e marcado . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s