A Bíblia e a Tradição Divina

Todas as verdades da religião cristã estão contidas na Bíblia e na Tradição divina.

A Bíblia ou Escritura Sagrada é a palavra de Deus escrita.

Os livros da Bíblia são 72.

Os homens que escreveram os livros da Bíblia, foram inspirados pelo Espírito Santo.

A Bíblia divide-se em Antigo e Novo Testamento.

O Antigo Testamento corresponde 45 livros escritos antes da vinda de N. S. Jesus Cristo.

O Novo Testamento compreende 27 livros escritos depois da vinda de N. S. Jesus Cristo.

Tradição divina é a palavra de Deus não escrita na Bíblia.

A religião primitiva passou de pais a filhos inspirados por Deus; sabemos quais são eles pela Tradição divina.

Por esta razão, é tão importante a Tradição divina como a própria Escritura.

Jesus Cristo não escreveu nenhum livro, nem mandou seus Apóstolos escreverem, mas pregaram o Evangelho a todas as criaturas; e assim o fizeram.

Os Evangelhos e demais livros (cartas) do Novo Testamento foram escritos alguns anos depois que Jesus Cristo subiu aos céus, quando os Apóstolos tinham já pregado em muitos lugares.

A depositária da Tradição divina é a Igreja católica.

A Tradição divina e a autoridade da Igreja são necessárias para saber quais os livros que formam a Sagrada Escritura e como se devem interpretar.

Só se podem ler Bíblias aprovadas pela Igreja, e que vão acompanhadas das notas correspondentes explicativas do texto.

Sobre Bruno Luís Santana

Ego Catolicus Romanus sum.
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s